top of page
719f1cbc-471d-46f8-a24c-0354d79cb63b.jpg

O vinho cai no gosto dos jovens

Por: Marcio Nolasco - gestor de T.I e Projetos



Considerada a bebida do momento, o vinho, antes associado a ambientes requintados, momentos especiais e consumida somente por pessoas mais velhas e com paladares mais experientes vem ganhando, a cada dia, mais adeptos. Notadamente, durante a pandemia, o vinho tem roubado a cena em relação a outras bebidas alcoólicas e conquistado cada vez mais o gosto dos jovens.


De acordo com uma pesquisa realizada pela Wine Market Council em 2021 com pessoas dos 21 aos 38 anos nos Estados Unidos, 159,6 milhões de caixas de vinho foram destinadas ao público jovem, representando 42% do vinho consumido no país naquele ano. Além disso, dois terços dos apaixonados por vinho são mulheres, o que também chama a atenção nessa faixa etária, tendo em vista que, de acordo com o mesmo estudo, após os 38 anos o consumo entre os dois sexos fica equilibrado.


Os Millenials, estão na mira dos produtores de vinhos por diversos motivos. Primeiro é importante lembrar que esse consumidor não costuma ter um poder de compra muito elevado, buscando vinhos com propostas de bom custo-benefício. Em ocasiões mais especiais, em vez de gastar com um vinho de mais qualidade, acabam optando por um diferente, feito com uma uva ou processo atípicos, ou seja, bebidas jovens, frutadas e para consumo rápido.


Os produtores perceberam que o público mais jovem é