top of page
719f1cbc-471d-46f8-a24c-0354d79cb63b.jpg

Do Ventre à Rua - Proteção às Mulheres

Atualizado: 19 de ago. de 2023


Dia 19 de Agosto é uma data importante na luta da população em situação de rua. A campanha "do ventre à Rua - Sou Mulher, estou grávida e estou na rua" vem abordar algumas situações que as mulheres sofrem e estender uma mão amiga no auxílio e socorro destas situações vulneráveis.

Dentre as violências que as mulheres em situação de rua podem sofrer estão as violações como gravidez indesejada e desnutrição, violências físicas, morais, psicológicas, patrimoniais e sexuais.

Nestes diversos casos, para buscar ajuda é preciso procurar os serviços de saúde pública como as UBS (unidade Básica de Saúde) dos bairros, UPAs ou SAMU (192), a assistência social do município como CRAS, CREAS, Centro POP e os serviços de abordagens sociais. também é possível acionar a Polícia Militar (190) a defensoria pública e o ministério público.

É direito das mulheres em situações de rua o acesso a saúde pública, a convivência familiar comunitária, o acolhimento conjunto com seus filhos, alimentação, água potável e benefícios socioassistenciais.

Em agosto também temos a campanha Agosto Lilás de combate a violências contra mulheres. Se encontrar alguma mulher em situação de rua e precisando de ajuda, ligue 180, 181 ou 100. Ou avise a assistência social do município.

@profsta #profsta