destaque-sua-empresa-na-internet.png

Criança de 2 anos e avó quase morrem asfixiadas ao acender carvão dentro de casa por causa do frio

Por volta das 19h30, desta segunda-feira (28), o COPOM do 25º BPM recebeu o chamado de um pai desesperado o qual relatava que sua filha de dois anos de idade estaria inconsciente.

Foi encaminhado para o local uma Equipe da Polícia Militar para os primeiros atendimentos enquanto o rádio operador da Central 190 fazia o contato com equipes do SAMU para o socorro imediato. A equipe no local constatou que, além da criança, uma senhora de 50 anos de idade também passava mal, foi constatado que o incidente se deu devido à família, em decorrência do frio intenso, ter ateado fogo em carvão vegetal dentro de uma lata de tinta no interior da residência fechada e, com a queima da substância, foi liberado o monóxido de carbono e intoxicando assim as vítimas.

Lembrando que o monóxido de carbono é um gás produzido pela combustão incompleta (em presença de pouco oxigênio), extremamente perigoso, pois é um asfixiante químico que dependendo do tempo de exposição e da quantidade inalada, pode levar à morte.

As vítimas foram encaminhadas para hospitais de Umuarama (a criança para o Cemil e a senhora para o Pronto Atendimento) e passam bem.

A Polícia Miliar orienta à população a usar com muita cautela este tipo de material (carvão) para o aquecimento em ambientes fechados.

Fonte: 25ºBPM

destaque-sua-empresa-na-internet.png