Ao ser presa com crack, mulher diz aos policiais que guardava a droga para outra pessoa

No início da tarde desta terça-feira (27), por volta das 13h, policiais militares deslocaram até a Rua Porto Seguro para averiguar uma denúncia de que uma mulher estaria guardando certa quantidade de droga em seu domicílio.

No local, foi realizado contato com as moradoras (ambas de 28 anos) e, após informadas sobre o motivo da presença policial, uma delas confessou que realmente estava guardando substância análoga ao “crack” para um terceiro.

Assim, depois de autorizada a busca domiciliar, a cidadã levou os militares até a droga, a qual se apresentava em uma pedra grande, ainda a ser fracionada, envolta em plástico, pesando aproximadamente 27g (vinte e sete gramas), que renderia cerca de 150 (cento e cinquenta) unidades da substância.

Por fim, ela foi conduzida, juntamente com a droga apreendida, para os procedimentos cabíveis.

Fonte: 5ªCIPM

destaque-sua-empresa-na-internet.png