Hayslon continua desaparecido em Cianorte, como estão as buscas?

Por: Marcio Nolasco - Gestor de T.I


Hoje se completa 15 dias do desaparecimento do jovem Hayslon. Ele fugiu de casa no dia 23 depois de brigar com o irmão mais novo. Exatamente no dia que a família estava preparando a mudança da área rural para a cidade. Hayslon completou 16 anos recentemente. Ele é autista.


Trocamos mensagens com a professora Ana Floripes Berbert, especialista neste tipo de transtorno e que está na linha de frente nas buscas pelo adolescente desde o começo. As forças de segurança de Cianorte e de todas as cidades da região estão envolvidas nesta operação de busca.


No entanto após alguns dias de buscas as equipes do Corpo de Bombeiros de Cianorte resolveram suspender as buscas temporariamente, agora aguardam novas pistas para prosseguir. Nesta quinta-feira 04/11 a Professora Ana Floripes recebeu total apoio de um Senador da Republica, que deixou toda sua equipe a serviço e disponível para ajudar no caso Hayslon.


Importante: Quanto à abordagem: é importante que tirem uma fotografia, mandem a localização para a polícia. Não o percam de vista. Os policiais levarão familiares junto ou pessoas especializadas na área de saúde mental.


Caso o abordem, que seja uma pessoa só: perguntem o nome dele em tom baixo e se precisa de ajuda. Não façam muitas perguntas. Se ele continuar caminhando, não o percam de vista. Não o toquem, pois não se sente confortável com os toques. Se a abordagem não for certeira ele sofrerá mais do que já está sofrendo. Dicas de uma postagem da Ana Floripes em rede social.